Travessa Ubirassanga, 42 - São Paulo-SP 11 5096-1900

Obras de Arte

Companhia com sede na França, a Clé Reserva Contemporânea, usa conceito inédito no Brasil para armazenagem de obras de arte, com sistema de videomonitoramento de câmeras BYCON

Instalada em um prédio com espaço de 5.500m2, em Alphaville, a Clé Reserva Contemporânea, mantém um local com alto nível de tecnologia e segurança para abrigar obras de arte em galpões totalmente estruturados. O local acaba de ser inaugurado e conta com investimento estimado em R$ 20 milhões para os próximos cinco anos compartilhados pela joint-venture entre a francesa André Chenue S.A. e a brasileira Expomus. Os serviços que a Clé oferece contemplam: - Serviço personalizado com espaços privativos para cada cliente com padrões de uma reserva técnica museológica; - Controle de temperatura e umidade; - Sistema de segurança 24 horas com detecção de incêndio e manuseio especializado; - Opções de espaços compartilhados entre diferentes clientes oferecidos para obras de grande formato. O modelo de negócio permite a locação individual de salas para museus, artistas, galerias e coleções institucionais/ corporativas/ privadas. Para isso, precisa de um projeto de segurança eletrônica bem estruturado, garantindo um monitoramento eficiente e constante às salas e obras. Este projeto foi assinado pela integradora HRD5 e de acordo com Marcelo Harada, diretor da HRD5, a empresa Clé, de origem francesa, precisava tropicalizar uma solução que ela utiliza em outras partes do mundo. É crucial garantir a segurança quando se fala de armazenamento de obras de arte, respeitando, sobretudo, a temperatura.

Veja case completo, visualizar